:: Nossa Cidade::

 
 
 


Data de 1890, com o desmembramento judicial e loteamento de duas enormes Fazendas, a Palmeiras e a São Domingos ou Moraes, a ocupação, por migrantes Mineiros, do território que se tornaria o Município de Uchôa.

Por volta de 1910, um destes migrantes, Salviano Nunes, doou terras
ao Patrimônio de São Miguel e erigiu uma capela próxima à margem esquerda do Córrego Grande, em torno da qual iniciou-se um povoado.
No final desse ano chegaram ao local os primeiros imigrantes europeus: Ubaldino Alvarez Perez, Bruno Garisto e os irmãos Calil, Cecílio e Francisco Abdalla, que aí instalaram suas casas de comércio.

Em 1911, com a chegada dos trilhos da Estrada de Ferro Araraquara (EFA) foi construída uma estação próxima ao pequeno povoado,à qual se deu o nome de Estação Ignacio Uchôa em homenagem ao senador, advogado, fazendeiro e um dos principais acionistas da EFA.

A partir de 1912, inicia-se a chegada maciça de imigrantes europeus atraídos pela oferta de terras baratas e férteis para a cultura do café. Em poucos anos, fazendas são formadas e o "ouro verde" reinava absoluto.

Em 1913, Arthur Ortenblad, proprietário das terras na margem direita do Córrego Grande, doou o Patrimônio de Santa Izabel, próximo à estação de Ignácio Uchôa e iniciou loteamento, onde se instalaram residências, casas comerciais e um hotel, desenvolvendo-se em ritmo maior do que o Patrimônio de São Miguel.

Com o crescimento de ambos os Patrimônios, principalmente o de Santa Izabel, e a formação de fazendas de café, a criação do Distrito não tardou. Em 26 de dezembro de 1913, pela Lei Estadual n° 1905, foi criado o Distrito de Paz de Ignacio Uchôa, pertencendo à comarca de Rio Preto.
O novo Distrito teve rápido crescimento e, em 1920, já apresentava, segundo o IBGE, 9701 habitantes.

Em 30 de dezembro de 1925, pela Lei Estadual n° 2117, Ignacio Uchôa foi elevado a Município, desmembrando-se do de Rio Preto.
A instalação se deu em 28 de março de 1926, com a posse de Joaquim Pinto Cintra de Camargo, do vice João Birolli e dos vereadores Marciano Ferreira da Silva, João Domingues da Silva, Manoel Francisco Fernandes e Belisardo Egydio Andrés.
Em 1938, pelo Decreto Estadual n° 9775 o município teve sua denominação abreviada para Uchoa.

 
   
   
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 


Desenvolvido por: Pimatec Informática
Email:
pimatec@hotmail.com